Posted in Portuguese

Aconselhamentos

Caro Rui*,
Estou muito feliz de ouvir que pensas visitar-me aqui em Londres. Ainda que não tenhas muito dinheiro, vem**! A libra está muito baixa hoje em dia por causa dos “Brexiteers” e por isso tudo é muito barato.
Eis as minhas regras para uma viagem a Londres:
É necessário que tragas um guarda-chuva porque chove muito aqui.
É possível que compres um “Oyster Card” na estação de comboios. Com isto, é possível fazeres viagens todos os dias sem pagar.
É viável andares de comboio (a rede de comboios subterrâneos de Londres chamar-se “The Tube”) porque convém evitar o tráfego*** nas ruas.
Não é provável que encontres o Stephen Fry no supermercado mas se é que o encontras, deves levantar o seu chapéu, quer queiras quer não. Por isso, é aconselhável que tragas um chapéu. Embora tenhas dores de cabeça, usa-o todos os dias que fiques no país.

*=Just to explain why the phraseology in this is so weird, here is the note I attached to it in iTalki

Este exercício destina-se a ajudar-me a praticar três tempos: presente do conjuntivo, infinitivo pessoal e imperativo. Por isso, algumas frases não são muito idiomáticas, mas não faz mal. Acho que a gramática é pouco especifica a Portugal. Pode ser que a gramática do Brasil seja diferente. Eu ficaria muito contente em receber correcções do Português de Portugal. Muito obrigado

**=I can’t believe this is the 2nd person imperative form of “vir”!

***=I originally wrote “tráfico” but that means traffic in the sense of “drug trafficking”

Advertisements

Author:

Just a data nerd

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s